Site Autárquico Loulé

Casimiro de Brito

Nascido em Loulé em 1938, Casimiro Cavaco Correia de Brito é poeta e prosador.

Estudou Comércio em Faro e frequentou em Londres o Westfield College, a convite da BBC. Antes de regressar a Portugal, viveu em Dusseldórfia, na Alemanha. Já em Lisboa, trabalhou como director numa instituição bancária.

Foi um dos fundadores e directores da revista “Cadernos do Meio Dia”, colaborador da colecção “Encontro”, da revista literária “Loreto 13” e de vários jornais do Algarve.

O seu reconhecido mérito fez com que tivesse sido escolhido para participar no VI Congresso Mundial de Poesia, em 1982, nas Ilhas Canárias.

Obras principais:

Poemas da Solidão Imperfeita (1957)
Sete Poemas Rebeldes e Carta a Pablo Picasso (1958)
Telegramas (1959)
Poemas Orientais (1962)
Jardins de Guerra (1966)
Vietnam: Em Nome da Liberdade (1967)
Mesa do amo (1970)
Negação da Morte (1974)
Um Certo País ao Sul e outras ficções do estilo (1975)
Corpo Sitiado (1976)
Imitação do Prazer (1977)
Prática da Escrita em Tempos de Revolução (1977)
Nós, outros (1979)

O poeta faz uma constante ligação do Algarve à sua obra. A poesia de Casimiro de Brito, no seu essencial, revela uma exaltação erótica onde há uma fusão entre o corpo e o poema.
DEITADO NA AREIA

"Horas e horas deitado na areia caído
Na praia
Ou por algum braço arremasado. Pouco a pouco
Deixei de sentir os grãos finíssimos
Colarem-se à pele. Deixei de ver
O céu que os meus olhos olhavam.
As primeiras ondas que me tocaram os pés
Ainda as senti-bocas minúsculas
Bebendo meu sangue silencioso.
Mas as segundas já não eram frias nem quentes já não
Eram
Suaves nem ríspidas já não possuíam
Lábios nem dentes. E nada sei
Das seguintes como nada sabia
Da areia nem do sol nem dos bichos que passavam
Por cima do meu corpo depois de terem passado
Pelo corpo da areia.
Durante algum tempo durante a rigorosa eternidade
De um momento
Foi como se eu fosse também areia mar e sol
E talvez eu tenha sido
Areia sol e mar. O resto
É vento."


(Poema lido no VI Congresso Mundial de Poetas)