Site Autárquico Loulé

O Setor da Água

Os Sistemas de Abastecimento de Água proporcionam, de forma contínua, o acesso a água com a qualidade exigida para o consumo humano sendo da responsabilidade da DSRN o controlo analítico da qualidade da água.

Atualmente, a água que abastece o Concelho tem origem subterrânea e, também, superficial. A CML é detentora de um vasto património de infraestruturas.

 

Sistemas hídricos subterrâneos


Dos 17 sistemas aquíferos com expressão regional, 6 aquíferos são usados para abastecer o município.


 

Diversas circunstâncias têm introduzido desequilíbrio nos sistemas naturais subterrâneos:

  1. crescente pressão urbanística na faixa litoral
  2. impermeabilização urbana e industrial das zonas de recarga
  3. descontrolo das extracções de água a partir de furos
  4. poluição de origem antrópica (valores de nitratos acima do VMA) ou natural (lixiviação de evaporitos)
  5. avanço da cunha salina para o interior do território.

 

Evolução anual do nível piezométrico (fonte SNIRH)

M5 - Querença - Silves

M7 - Quarteira

M8 - S. Brás de Alportel

M9 - Almancil - Medronhal

M10 - S. João da Venda - Quelfes

M12 - Campina de Faro

 

Sistemas hídricos superficiais

O significativo abaixamento de produtividade dos aquíferos e consequente diminuição da qualidade da água fornecida compeliu, em finais do séc. XX, a que se recorresse a sistemas hídricos superficiais.

Estes sistemas de abastecimento de água são geridos pela empresa Águas do Algarve

 

A CML é detentora de um vasto património de infraestruturas.

 

Controlo dos sistemas

A qualidade da água para consumo humano é um indicador essencial para a avaliação do nível de desenvolvimento de um país e do bem-estar da sua população.

O Plano Estratégico de Abastecimento de Água e Saneamento de Águas Residuais 2020 (PENSAAR 2020) estabelece, como meta para 2020, o valor de 99% de água segura.

Em 2017, o município de Loulé cumpre a meta de 99% para o indicador Água Segura e recebe o “Selo da Qualidade Exemplar da Água para Consumo Humano”.

O Programa de Controlo da Qualidade da Água (PCQA), elaborado pela Câmara Municipal de Loulé e aprovado pela ERSAR, estabelece o controlo analítico da qualidade da água para consumo humano.

 

Programa de Controlo de Qualidade da Água

 

Procedimentos:

1 - Tratamento estatístico dos resultados analíticos da qualidade das águas

2 - Apresentação do número de incumprimentos face à legislação em vigor (Decreto-Lei  152/2017 de 7 de dezembro)

3 - Descrição das campanhas de amostragem

4 - Descrição do procedimento de colheita

5 - Apresentação do métodos analíticos utilizados

6 - Avaliação do sistema (problemas de captação, no tratamento utilizado, tipo de tubagens e canalizações usadas)

  • Editais