Site Autárquico Loulé

Limpeza Urbana

A Divisão de Higiene Urbana e Resíduos Sólidos coordena as actividades de limpeza dos espaços públicos do Concelho.

A limpeza urbana compreende a limpeza manual e/ou mecânica de arruamentos, passeios e outros espaços públicos, incluindo a varredura; a limpeza de sarjetas e grelhas; a limpeza de infra-estruturas e equipamentos de uso público municipal (sanitários públicos e outras instalações); a limpeza e controlo de ervas infestantes nas zonas pedonais (campanhas de deservagem e monda química); a remoção de resíduos contidos em papeleiras e outros recipientes com idênticas finalidades, bem como a substituição dos sacos plásticos; e a remoção de cartazes, graffitis ou qualquer outra publicidade que não se encontre devidamente autorizada, localizada nos equipamentos de deposição da DHURS.

As tarefas desempenhadas na Limpeza Urbana são:

  • Varredura manual e mecânica de ruas

  • Lavagem de ruas

  • Remoção de resíduos das papeleiras

  • Monda química e manual

  • Desinfestação

  • Limpeza de sanitários e instalações públicas

  • Limpeza de praias (Limpeza mecânica de areal)

  • Limpeza de feiras e mercados
  • Varredura de Ruas

A varredura manual e mecânica das ruas é assegurada por uma equipa de 61 cantoneiros. Abrange toda a área urbana do Concelho de Loulé, com frequências que variam, entre quinzenal, semanal e diária. Esta equipa realiza, ainda as varreduras de feiras e mercados municipais (periódicas) e outros eventos municipais (pontuais).

 

DEJECTOS CANINOS

Os dejectos dos animais de estimação prejudicam a higiene dos locais públicos e podem ser causadores de doenças graves, constituindo um verdadeiro perigo para a saúde pública.

A população em geral e principalmente as crianças quando brincam nos espaços públicos estão assim sujeitas a doenças transmissíveis pelos cães.

Uma obrigação fundamental inerente à posse de um cão é a limpeza dos seus dejectos nos espaços públicos.

Para garantir uma maior limpeza dos espaços públicos, a Câmara Municipal de Loulé instalou no Concelho dispensadores de sacos para dejectos caninos, um conjunto de equipamentos que pretendem dar resposta a problemas diversos como sujidade, mau odor e a possibilidade de transmissão de doenças. Este equipamento semelhante a papeleiras está equipado com sacos e local para deposição.

Os proprietários ou acompanhantes de animais devem proceder à limpeza e remoção imediata dos dejectos produzidos por estes animais nos espaços públicos. A deposição deverá ser efectuada nos equipamentos referidos ou na sua falta nas papeleiras.

Os sacos para dejectos caninos cedidos pela Câmara Municipal de Loulé deverão ser usados exclusivamente para o fim a que se destinam. Não são próprios para alimentos podendo mesmo danificar os mesmos.

O Regulamento Municipal de Resíduos Urbanos e Limpeza Urbana, em vigor, prevê a aplicação de coimas aos infractores.

 

DESINFESTAÇÃO

Em áreas urbanas, ratos e baratas, entre outros, podem constituir pragas colocando em risco a saúde pública por serem potenciais transmissores de doenças.

 

A Câmara Municipal de Loulé promove, o controlo preventivo destas espécies nas seguintes áreas:

  • Núcleos urbanos de Loulé, Quarteira, Almancil, Alte, Ameixial, Benafim, Boliqueime, Querença, Salir e Tôr.

 

As campanhas têm especial incidência nos locais abaixo indicados, sem prejuízo de outros que se considerem essenciais:

  • Rede de águas residuais, sarjeta, valas e outros canais de escoamento pluviais;
  • Áreas expectantes e degradadas do domínio público, situadas nos centros habitacionais ou na sua proximidade;
  • Instalações e infra-estruturas camarárias, mercados municipais e zonas envolventes, escolas e outras instalações públicas, quando solicitado;
  • Outras situações que possam surgir, em zonas do domínio público, por deficiência na metodologia utilizada ou ineficácia dos produtos utilizados.

 

As intervenções de controlo preventivo de pragas urbanas são efectuadas por uma empresa especializada, de acordo com uma calendarização.

 

São também efectuadas acções de monitorização, com o objectivo de avaliar os graus de infestação nas áreas de actuação.

 

MONDA QUIMICA, MANUAL E/OU MECÂNICA

 

A moda química, manual e/ou mecânica de infestantes, compreende o corte e/ou aplicação de herbicida, a limpeza e remoção de todos os resíduos existentes nas áreas intervencionadas, incluindo o transporte de resíduos a destino final adequado, em vias e espaços municipais no Concelho.