Site Autárquico Loulé

Rede de Monitorização da Qualidade do Ar

A qualidade do ar, como componente ambiental determinante para a saúde pública e para o equilíbrio dos ecossistemas, é um indicador que deve ser monitorizado, principalmente nas localidades onde existam fontes de poluição significativas, como vias com muito tráfego ou industrias.

 

Dos diferentes poluentes, os que suscitam maior preocupação do ponto de vista da saúde humana, devido à severidade dos seus efeitos, são o ozono troposférico (O3) e as partículas (as de diâmetro inferior a 10 μm, mas especialmente as de diâmetro inferior a 2,5 μm), pois para além de não se conhecer um nível de exposição isento de riscos, estes são os dois poluentes que, por vezes, apresentam concentrações superiores às legisladas. Contudo, existem outros poluentes que, pelos seus impactes na saúde e no ambiente, devem também ser monitorizados, como por exemplo, o monóxido de carbono, os compostos orgânicos voláteis (COV’s), os óxidos de azoto e os óxidos de enxofre.

 

Na região do Algarve, a monitorização da qualidade do ar é da competência da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDRAlg.).

 

A REDE DE MONITORIZAÇÃO DA QUALIDADE DO AR DO ALGARVE é constituída por quatro estações:

 

Estação

Localização

Tipo de Estação

Poluentes Monitorizados

Malpique

Albufeira

Estação urbana de fundo

Sem influência direta de qualquer fonte emissora 

PM10

SO2
NOx

O3

David Neto

Portimão

Estação urbana de tráfego

Monitorização da poluição originada pelo tráfego automóvel 

PM10

NOx

CO

BTX

Joaquim Magalhães

Faro

Estação urbana de fundo

Sem influência direta de qualquer fonte emissora 

PM10

PM2,5

SO2

NOx

O3

Cerro

Alcoutim

Estação rural de fundo

Com o objetivo de monitorizar a proteção da vegetação

PM10

PM2,5

SO2

NOx

O3

 

As estações de monitorização da qualidade do ar encontram-se equipadas com analisadores automáticos que monitorizam, em contínuo e em tempo real, a concentração dos principais poluentes atmosféricos (monóxido de carbono, dióxido de enxofre, óxidos de azoto, COV, ozono, PM10 e PM2,5).

 

Os dados são recolhidos para um sistema de software que permite a sua visualização e acesso remotamente, sendo encaminhados para a Base de Dados On-Line da Qualidade do Ar-QUALAR, sistema que é gerido pela Agência Portuguesa do Ambiente que, em conjunto com as CCDR, disponibiliza diariamente a informação sobre a qualidade do ar, agregada na forma de Índice da Qualidade do Ar.

 

Os dados podem ser consultados através do endereço http://qualar.apambiente.pt (QualAr – Base de Dados Online sobre Qualidade do Ar).

 

No que se refere à qualidade do ar no Concelho de Loulé, a respetiva monitorização encontra-se englobada na aglomeração Albufeira/Loulé, à qual está associada a Estação de Monitorização de Malpique, e cujos dados podem ser consultados através do endereço http://qualar.apambiente.pt/index.php?page=1&zona=262.

 

Abaixo encontram-se os Relatórios “Qualidade do Ar na Região do Algarve - Relatório 1º Trimestre de 2015” e ““Qualidade do Ar na Região do Algarve - Relatório 2º Trimestre de 2015” da CCDRAlg, onde são apresentados os resultados do tratamento estatístico dos dados recolhidos nas estações de monitorização da qualidade do ar para o ano de 2015 dos poluentes analisados.

 

Ainda assim, a Câmara Municipal de Loulé em colaboração com a CCDRAlg, levou a cabo em 2007, uma AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO AR NA CIDADE DE LOULÉ, a qual foi realizada em épocas distintas, no verão (época alta) e no inverno (época baixa), nomeadamente no que se refere às partículas (PM10). O equipamento de monitorização com medições em contínuo foi instalado em duas escolas: uma situada junto a uma das principais vias de tráfego da cidade (para avaliar a contribuição do tráfego) e outra situada numa zona totalmente residencial (sem influência aparente de nenhuma fonte emissora).

Para visualizar o Relatório da Avaliação da Qualidade do Ar na Cidade de Loulé, clique aqui.

 

Fontes: Procedimentos Regionais de Informação e Alerta no Âmbito da Qualidade do Ar - Agência Portuguesa do Ambiente; Dezembro de 2010 e www.ccdr-alg.pt - Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região do Algarve