Site Autárquico Loulé

COVID-19: CÂMARA DE LOULÉ AUMENTA RESTRIÇÕES PARA MITIGAR NÍVEL DE CONTÁGIO NO CONCELHO

COVID-19: CÂMARA DE LOULÉ AUMENTA RESTRIÇÕES PARA MITIGAR NÍVEL DE CONTÁGIO NO CONCELHO

Autarquia

24 de janeiro 2021

Em sintonia com as orientações da administração central, o Município de Loulé está a reforçar as medidas restritivas no concelho, numa altura em que os números de infetados se encontram em valores bastante elevados e o País vive mais um confinamento geral.

No que concerne aos serviços municipais, a Autarquia mantém a sua atividade regular, sendo que o atendimento ao público é agora realizado por via telefónica ou eletrónica. Apenas os casos mais urgentes são atendidos presencialmente, com marcação prévia obrigatória.

Por outro lado, foram suspensas todas as atividades desportivas, culturais, artísticas e recreativas, de lazer e de diversão, promovidas pelo Município ou por outras entidades que utilizem as instalações municipais, e todos os equipamentos desportivos e culturais foram encerrados. No entanto, a Biblioteca Municipal de Loulé e os seus polos (Quarteira, Salir e Alte) continuam a disponibilizar o serviço de empréstimo de livros em regime de take away, por marcação prévia.

Está igualmente em vigor a suspensão dos mercados de bens não alimentares, enquanto que os mercados de bens alimentares irão manter-se em funcionamento com as devidas medidas de segurança: uso obrigatório de máscara, limitação de lotação nos recintos, higienização e distanciamento social.

Já os cemitérios continuam com o acesso condicionado, sendo permitidas apenas 20 pessoas nos funerais, medida implementada desde a primeira vaga da pandemia.

À semelhança do que aconteceu em março/abril de 2020, e de forma a evitar a concentração de pessoas junto às zonas costeiras e outros espaços públicos, foi interditado o acesso a locais como o Passeio das Dunas, parte pedonal da Avenida Infante de Sagres (Calçadão de Quarteira), passadiço do Forte Novo, passadiço do Garrão, Ancão e Ludo, Queda do Vigário, em Alte, e Paisagens Protegidas Locais da Fonte da Benémola e Rocha da Pena. De igual modo os parques de estacionamento nas imediações das praias foram encerrados.

Também a utilização de equipamentos públicos como bancos, parques infantis ou equipamentos para a prática desportiva e geriátrica foi interditada neste momento de confinamento em que a pioridade é, de facto, o respeito pelo recolhimento geral.

Para os cidadãos que necessitem de apoio ao nível social ou de saúde, a Autarquia mantém em funcionamento a Linha Loulé Solidário (800 289 600), criada durante o primeiro confinamento geral, e a Linha de Apoio Médico Escolar (7007 027 070), implementada em setembro, aquando do regresso às aulas. Estas linhas têm sido imprescindíveis para responder às necessidades imediatas, anseios e dificuldades sentidas pela comunidade, quer do ponto de vista social, sanitário, psicológico, económico ou pedagógico.

Refira-se que este conjunto de medidas irá vigorar durante o período de vigência do Estado de Emergência.

 

 

MAIS INFORMAÇÕES EM:

http://covid19.cm-loule.pt/