Site Autárquico Loulé

Officina da Música, Alta Capella e La Nave Va evocam música antiga em Loulé

Cultura

18 de setembro 2008

O X Encontro de Música Antiga de Loulé continua, este fim-de-semana, a trazer os sons antigos às igrejas do Concelho, que serão palco de actuações dos mais importantes grupos de música antiga, até dia 11 de Outubro. Amanhã, 19 de Setembro, a Câmara Municipal de Loulé leva o projecto Officina da Música à Igreja Matriz de Boliqueime, que será palco de uma actuação do colectivo dirigido por Tiago Simas Freire, a partir das 21h30. Este jovem agrupamento, formado por Sofia Nereida Pinto, Hugo Soeiro Sanches e Tiago Simas Freire em 2006, procura a emoção artística de criações musicais anteriores e contemporâneas e propõe-se completar o trabalho de fazer chegar a público a obra escrita, levando-a ao seu fim último e transformando-a em corpo sonoro, vibrante e imortal. Para esta sexta-feira está prevista a interpretação de Obras Marianas da Polifonia Portuguesa de 1600 a 1650. No sábado, 20 de Setembro, sobem ao palco na Igreja Matriz de Alte os Alta Capella, um colectivo de excelência que interpreta Música instrumental Ibérica e Europeia dos séculos XVI e XVII. Alta Capella é o resultado do encontro e partilha de interessantes experiências musicais praticadas em Lisboa e em Praga. Alta Capella é um trabalho de cooperação entre músicos da “Camerata da Cotovia” de Portugal e músicos do “Svobodné hudební bratrstvo” (free musical brotherhood) da República Checa. No domingo, é a vez de La Nave Va evocar sonatas e cantatas de Telemann e Bach, num concerto com início às 21h30, na Igreja de Salir. Com direcção de António Carrilho, flautista e distinguido como ”melhor intérprete” e “melhor interpretação de música do século XVII” no Concurso Internacional de Flauta de Bisel de Haifa (Israel), La Nave Va reúne ainda os conceituados músicos Edoardo Sbaffi (violoncelo barroco e violoncelo piccolo) e Jenny Silvestre (cravo) e Maria Luísa Tavares (mezzo soprano). Um concerto que recria sonatas e cantatas daqueles que foram considerados, no seu tempo, os mais importantes compositores alemães – Telemann e Bach. Ainda no âmbito do X Encontro de Música Antiga de Loulé, decorre de 19 a 21 de Setembro, no Edifício Duarte Pacheco, em Loulé, um seminário de Danças Renascentistas com Catarina Costa e Silva. Uma oportunidade para os apreciadores e curiosos aprenderem sobre esta arte secular. AGENDA OFFICINA DA MÚSICA Sexta-feira, 19 Setembro 21h30 Igreja Matriz de Boliqueime ALTA CAPELLA Sábado, 20 de Setembro 21h30 Igreja Matriz de Alte LA NAVE VA Domingo, 21 de Setembro 21h30 Igreja de Salir SEMINÁRIO DANÇAS RENASCENTISTAS Com Catarina Costa e Silva De 19 a 21 de Setembro 10h00 – 13h00 e 15h00 – 18h00 Edifício Duarte Pacheco, em Loulé